2 de junho de 2012

Jesus o Potenciador

Dizem que Jesus é um grande potenciador de jogadores, e como exemplo, apontam os nomes de David Luiz, Di Maria, Fábio Coentrão e Ramires.

David Luiz chegou ao Benfica na época de 2006/2007 e já levava 3 épocas de Benfica antes de Jesus cá chegar (2009/2010).
Nas 3 épocas que já levava de Benfica, já tinha demonstrado o seu valor e já fazia dupla com Luisão no centro da defesa.

Di Maria chegou ao Benfica na época de 2007/2008, e apesar de ter feito uma primeira época um pouco apagada, na sua segunda época já tinha demonstrado algum do seu potencial.
Potencial este encoberto pelo fetiche de Quique Flores de meter o Reyes a jogar a extremo esquerdo quando este muitas vezes só se limitava a passar a linha de meio campo e a procurar a falta para não ter de correr muito pela lateral.
Assim em vez de correr 45 metros com a bola, marcava livres a 45 metros da baliza.

Fábio Coentrão também chega ao Benfica na época de 2007/2008, mas foi emprestado ao Nacional.
Na época seguinte, 2008/2009, esteve emprestado ao Zaragoza e ao Rio Ave.
Quando Jesus chega ao Benfica na época de 2009/2010, pensou em dispensar Coentrão após a pré-época, mas o chavalo lá acabou por ficar no Benfica.
Jesus tinha outro lateral esquerdo em mente...

Ramires chega ao Benfica "ao mesmo tempo" que Jesus.
Mas Jesus não o potenciou. Este já vinha potenciado.

Dos jogadores que Jesus escolheu, apostou e  potenciou, só me lembro de um, o Nico Gaitan.

Outras contratações que me recorde e que estão associadas ao Jesus são/foram:

Júlio César - emprestado ao Granada
César Peixoto - Gil Vicente (o tal que ia ser o lateral esquerdo da selecção nacional...)
Weldon - é do Cluj mas está emprestado a um clube chinês (até gostava deste gajo)
Kardec - emprestado ao Santos
Éder Luis - emprestado ao Vasco da Gama
Airton - emprestado ao Flamengo (por mim voltava caso o Javi Garcia fosse vendido)
Roberto - Zaragoza (só nos custou um campeonato..........)
Franco Jara - emprestado ao Granada

Depois há mais uma carrada de jogadores, nomeadamente sul americanos, que não estou certo se foram escolhas do Jesus ou não, mas como o míster é que vê o brazileirão e a Copa Libertadores a altas horas da madrugada....... É aquela base.

Se o Jesus é tão bom potenciador de jogadores, porque não vai ele treinar a equipa B e arranjamos um treinador que potencialize o Benfica em títulos para a equipa principal?

8 comentários:

  1. Os anti ao pé destes bloguistas (ditos grandes defensores do Benfica)são uma espécie de Madre Teresa ............
    Vão todos para a "coisinha preta" da vossa tia!!!!!

    ResponderEliminar
  2. JJ vai transformar Michael (o tal contratato ao Paços de Ferreira) no novo incrível, que depois será vendido ao Chelsea por noventa milhões...

    ResponderEliminar
  3. Meu caro anónimo, nao faço a mínima ideia se és benfiquista ou és do outro clube o anti Benfica, mas tens que perceber um bocadinho mais de futebol, democracia e organizações colectivas antes de vires para aqui mandar larachas!! Claro que agradecemos o teu comentário, mas percebe que nem sempre dizer bem é a melhor coisa que pode acontecer para tornar as coisas melhores!! Nós apreciamos a democracia na nação benfiquista... Quem nao gosta está à vontade para nao ler e para nao gostar... Mas faz um favor a ti próprio e nao digas merda!!

    Sangrokan!

    ResponderEliminar
  4. Portanto, o facto de o Jesus ter pensado em dispensar o Coentrão, faz com que não tenha sido por ele o decidir meter a defesa esquerdo que ele "vale o que vale" agora?

    E o Di Maria já ser um jogador intermitentemente bom antes do Jesus chegar, invalida que foi com ele que se tornou num jogador mais consistente, e atraente para clubes maiores?

    O Gaitán para mim até é um semi-falhanço, se o Jesus não tivesse decidido que ia fazer dele um extremo ou médio ala o que lhe quiserem chamar, o Gaitán podia ser bem melhor que é.

    Acho que não podemos negar o "bem" que ele fez, com o Fábio principalmente, e também com o Di, porque ele foi mesmo feito, simplesmente ao mesmo tempo foi feito tanto mal que ainda ficámos a perder dinheiro.

    ResponderEliminar
  5. Jesus o potenciador e o Sangrokan o manipulador.

    ResponderEliminar
  6. "Liberdade de expressão é o direito de manifestar livremente opiniões, ideias e pensamentos. É um conceito basilar nas democracias modernas nas quais a censura não tem respaldo moral."

    "A liberdade de expressão, sobretudo sobre política e questões públicas é o suporte vital de qualquer democracia. Os governos democráticos não controlam o conteúdo da maior parte dos discursos escritos ou verbais. Assim, geralmente as democracias têm muitas vozes exprimindo idéias e opiniões diferentes e até contrárias."

    "A democracia depende de uma sociedade civil educada e bem informada cujo acesso à informação lhe permite participar tão plenamente quanto possível na vida pública da sua sociedade e criticar funcionários do governo ou políticas insensatas e tirânicas. Os cidadãos e os seus representantes eleitos reconhecem que a democracia depende de acesso mais amplo possível a ideias, dados e opiniões não sujeitos a censura."

    É por causa da mesma democracia e liberdade de expressão, que nunca apago posts de certos indivíduos cuja opinião ou ponto de vista para mim contam zero.

    ResponderEliminar
  7. Desculpa, mas tens de saber diferenciar as coisas. Tens o direito de não gostar do Jesus, mas não tens o direito de lhe retirar os méritos. Há limites. Na minha opinião, não só potenciou esses 5 como ainda potenciou Sálvio.

    ResponderEliminar
  8. Olá!

    Podemos fazer uma troca de links entre blogues por favor?

    O meu é: http://davidjosepereira.blogspot.pt/

    Muito Obrigado!

    Depois passem pelo meu a confirmar a troca, para eu também adicionar o vosso blogue aos meus links.

    ResponderEliminar